terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Cuidados: Cabelos elásticos, quebradiços e com química

Cuidados: Cabelos elásticos, quebradiços e com química
Uma das maiores burrices que cometi em 2014 foi descolorir os cabelos sem necessidade (veja mais informações aqui!), tudo por conta da minha maldita ansiedade e aquela vontade de ter as coisas prontas aqui, agora, já... Pelo menos me serviu de lição e tenho sido muito mais paciente desde então quando o assunto é cabelo!


Linha Moroccanoil: Anti-frizz, óleo e máscara reparadora

Depois de todo o processo químico os meus cabelos ficaram elásticos e, consequentemente, quebradiços e fininhos. Bastava uma puxadinha no fio enquanto estava molhado que ele ou estourava, ou esticava igual chiclete e não voltava ao lugar! Desesperada, procurei por diversas dicas nos mais variados sites para tentar recuperar as minhas madeixas (afinal cortar não era uma opção!) e vou resumir algumas no post de hoje, bem como publicar pequenas descrições dos produtos que tenho usado! É claro que existem alternativas muito mais baratas, mas escolhi os produtos por indicação (de profissionais, sites, enfim). Lembrando também que para recuperar os fios demorou em torno de 6 meses e mesmo assim eles não estão 100%, já que no início quebraram bastante e isso é impossível restaurar.

Hidratação, nutrição, reconstrução?
Sempre achei que bastasse fazer uma hidratação para que meus cabelos milagrosamente voltassem à vida, mas descobri que estava enganada depois das leituras e da prática! Existem diferenças entre esses três tratamentos: a hidratação repõe a umidade dos fios e é indicada quando eles estão embaraçados quando molha, sem brilho, armados ou ressecados; a nutrição repõe os lípidios (ou óleo) que os cabelos precisam e é indicada quando estão com muito frizz, desalinhados e porosos; já a reconstrução serve justamente para os cabelos finos, ralos, quebradiços, com pontas duplas e elásticos - porém é preciso dosar já que, como geralmente há queratina na fórmula, o excesso pode deixar os fios duros e ainda mais quebradiços.

Apesar de a minha maior necessidade ser repor a massa capilar (ou reconstruir os fios) já que a estrutura dos meus cabelos havia sido alterada por conta da química, também era preciso repor os lipídios e hidratar: portanto optei pelos três tratamentos!


Shampoo e condicionador da linha Dove Reconstrução Completa, reconstrução de pontas duplas e ampola de hidratação intensa

Reconstrução: O início da saga
Por indicação de uma profissional, comecei fazendo a reconstrução nos meus cabelos utilizando a máscara reparadora de cabelos da linha Moroccanoil (+- R$250). Fiz como ela me orientou e usei durante três dias de lavagem consecutivos (já que meu caso era drástico), para depois usar uma vez por semana e, quando estivesse melhor, uma vez por mês. Porém não notei muito resultado quanto à elasticidade dos cabelos e resolvi ler a fórmula: seus principais ingredientes são óleo de canola e óleo de argan. Pois é! De reconstrução essa máscara tem apenas o nome: ela na verdade é uma máscara de nutrição! Mas deixemos para comentar sobre ela no próximo tópico.

Bom, precisava com urgência de produtos de reconstrução e resolvi comprar os shampoo e condicionador da linha Dove Reconstrução Completa (+- R$10 cada) que utilizei durante todas as primeiras lavagens (e que agora utilizo a cada quinze dias) e a máscara da L'oréal Absolut Repair (+- R$150): essa sim fez jus ao nome! Ela costuma deixar meus cabelos bem pesados, mas é um sinal de que realmente está reconstruindo! Enquanto a situação estava muito crítica, eu usei uma vez por semana e agora uso apenas uma vez por mês. Também tenho usado o creme hidratante redutor de volume sem enxágue (cauterização da cutícula capilar) da Avora (+- R$30) bem de vez em quando - apesar de a indicação de uso ser diária, evito usar todos os dias por conter queratina e por deixar os fios um pouco grudentos - e uma vez por semana uso a reconstrução de pontas duplas (+- R$30) da Dove (uso apenas algumas gotinhas porque os fios ficam um grude também!).


Creme hidratante da Avora, L'oréal Absolut Repair, óleo-relax nuit Kérastase e mix de aminoácidos BarroMinas

Nutrição e hidratação: Repondo a água e nutrientes nos fios
Passei a utilizar a máscara reparadora de cabelos da linha Moroccanoil como nutrição (afinal, como já citado, contém óleos de canola e argan) a cada 15 dias e os cabelos têm ficado mais macios e com menos frizz. Para completar o tratamento, misturo com a máscara um pouquinho do óleo Moroccanoil (+- R$250) e passo também o mesmo óleo a cada dois dias (ou quando sinto necessidade) - o legal é que ele não deixa os fios oleosos, mas não suporto o cheiro (desculpa, não tenho alma de ryca!)! Para que meus cabelos não viciem em um produto e pare de fazer o efeito desejado, revezo também com o óleo-relax nuit da linha Kérastase Nutritive (+- R$170), um creme de uso noturno para nutrição que deixa os cabelos bem macios e disciplinados no dia seguinte!

Quanto à hidratação, faço com o mix de aminoácidos da BarroMinas (+- R$25) (ela é bem cheirosinha, mas um pouco rala) quando tenho paciência (já que é preciso deixar por 20 minutos com a touca térmica), ou com a ampola de hidratação intensa da Dove (três por +- R$15) (minha favorita!) - dependendo da necessidade faço de 15 em 15 dias ou uma vez por semana, bastando deixar por 60 segundos nos cabelos para atingir o resultado esperado.

Outros cuidados
Não basta usar uma porção de produtos nos cabelos se não tivermos também os devidos cuidados, não é? Desde quando meus cabelos ficaram nesta situação lamentável, tentei seguir as seguintes dicas:

+ Não durma com os cabelos molhados (mesmo se eles estão bastante saudáveis) pois eles quebram com mais facilidade;
+ Penteie seus cabelos com cuidado. Se for o caso, passe um pouquinho de creme para pentear antes e use pentes com as cerdas largas;
+ Evite usar secador, chapinha ou babyliss. Nos casos urgentes (em que você não pode sair de casa ou dormir com os cabelos molhados, por exemplo), use um protetor térmico e o secador na temperatura mais baixa. Eu uso o próprio óleo Moroccanoil como protetor e o anti-frizz também da mesma linha;
+ Se precisar pintar, prefira tonalizantes ou espere aproximadamente um mês para aplicar a química novamente. No início, quando a cor do meu cabelo estava horrível (aquele amarelo hepatite), esperei exatamente um mês para pintar. Depois que encontrei o tom certo, esperei em torno de três meses.


Minhas madeixas assim que descolori e atualmente: não foi possível recuperar os fios que quebraram, é claro, mas eles estão mais firmes, nutridos e macios! E só estão um pouco oleosos porque hoje é dia de lavar hihih

Já passou por situação semelhante? Quais produtos costuma usar para hidratar, nutrir e reconstruir seus fios e que recomenda? Já escreveu algum post com a resenha? Deixe as dicas nos comentários! :)

Fontes: Cabelos de Rainha e M de Mulher

3 comentários :

  1. Meu cabelo está quebrando muito =/ vou seguir esse dica ^^

    ResponderExcluir
  2. O meu cabelo tb está pedido socorro. Estou usando essa linha do Dove. Bjus!

    ResponderExcluir
  3. Estes produtos da Dove Reconstrução Completa são ótimos também já usei e recomendo.

    ResponderExcluir

E aí, o que achou? Deixe seu comentário aqui! =)

Lembre-se de ter bom senso e comentar sobre o assunto post. Sinta-se livre para fazer qualquer tipo de crítica, desde que seja a respeito do assunto ou opinião abordada, e não ataques pessoais àqueles envolvidos (como eu, outras pessoas que comentaram, ou outras pessoas que citei no decorrer do texto).

Costumo retribuir a todos os comentários, desde que tenham alguma coerência. Me desculpem, mas aqueles que se resumem somente a "Seu blog é lindo! Visita o meu?", terão sua retribuição no mesmo nível!

...

Copyright 2002-2015 - Fernanda Fusco - Todos os direitos reservados

Cópia total ou parcial proibida !

Related Posts with Thumbnails