segunda-feira, 8 de julho de 2013

Tudo o que você precisa é de amor?

Tudo o que você precisa é de amor?
E se você vivesse em um mundo onde a sua forma de amar fosse considerada errada e pecaminosa? Assisti ao vídeo Love is all you need? neste último final de semana (por indicação de um amigo) e foi mais um daqueles que me balançou!


Clique no botão CC para ativar as legendas

Como já comentei em um dos vlogs, na época da minha adolescência tive a sexualidade questionada por ter determinados hobbies (como gostar de rock e vídeo-game). Mas e se eu realmente fosse homossexual? Deveria sofrer por isso, sentir vergonha e o motivo das piadas teriam uma boa justificativa?

O vídeo da diretora K. Rocco Shields inverte o que para alguns são considerados "padrões": as famílias são formadas a partir de um casal de pessoas com o mesmo sexo e todos aqueles que possuem comportamentos heterossexuais estão longe da normalidade. Uma ótima estratégia para nos aproximar do que muitos sofrem diariamente e proporcionar, talvez, algum tipo de empatia.

9 comentários :

  1. Sou contra qualquer tipo de preconceito, acredito que cada um tem que viver do que te faz feliz!

    http://querodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pré-conceitos todos nós temos ou já tivemos, mesmo que não se referem a racismo, questões sexuais e de gênero, enfim. A gente pode não concordar com determinadas condutas, mas é preciso ter respeito. Afinal todo mundo sabe o que é bom pra si!
      Obrigada pelo comentário! =)

      Excluir
  2. Devemos ter respeito pelas pessoas e lembrar de não fazer aos outros o que não desejamos para nós. Bjus!

    galerafashion.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ah adorei seu blog/vlog, não conhecia ele ainda mas logo de cara amei, ah e eu to concorrendo o kit da Sakura se eu não ganhar teve marmelada kkkk ~zoa
    Que legal abordar o tema homossexualismo mesmo tendo bem mais aceitação hoje em dia os homossexuais ainda sofrem muito o que não devia ocorrer de maneira alguma, mas mesmo tentando mudar sempre vai ter um ou outro ignorante no mundo.
    OBS: Se tiver erros de português perdão.

    ResponderExcluir
  4. Muito boa a ideia do filme.

    Tenho pessoas do meu convívio que ainda possuem esse pensamento atrasado de que homossexuais são sujos.

    O que me espanta é que os anos passam e as pessoas continuam se preocupando com o que as outras fazem mesmo isso não tendo haver com mais ninguém

    ResponderExcluir
  5. Bacana o assunto abordado. Como você argumentou em resposta a um comentário: é preciso ter respeito! Ninguém é obrigado a aceitar o outro. Tem que deixa-lo viver da forma em que sente-se bem e feliz.

    Beijos
    Giovana Aguiar
    garotacomcharme.com

    ResponderExcluir
  6. Para mim cada um deveria cuidar da propria vida e respeitar a decisão dos outros.

    http://simpleseagradavel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Podemos não consentir com as escolhas das outras pessoas, mas não cabe a nós julgá-las.

    ResponderExcluir

E aí, o que achou? Deixe seu comentário aqui! =)

Lembre-se de ter bom senso e comentar sobre o assunto post. Sinta-se livre para fazer qualquer tipo de crítica, desde que seja a respeito do assunto ou opinião abordada, e não ataques pessoais àqueles envolvidos (como eu, outras pessoas que comentaram, ou outras pessoas que citei no decorrer do texto).

Costumo retribuir a todos os comentários, desde que tenham alguma coerência. Me desculpem, mas aqueles que se resumem somente a "Seu blog é lindo! Visita o meu?", terão sua retribuição no mesmo nível!

...

Copyright 2002-2015 - Fernanda Fusco - Todos os direitos reservados

Cópia total ou parcial proibida !

Related Posts with Thumbnails